ASTCU anuncia melhorias empreendidas

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

O cenário de 2018 reserva aos brasileiros a votação da Reforma da Previdência, além de eleições majoritárias e da Copa do Mundo. Será um ano de potencial alteração do status quo.

Dentro dessa perspectiva de mudança, a ASTCU pugna pela rejeição à PEC 287/2016, almeja que o Brasil eleja representantes realmente comprometidos com a coisa pública e torce para que os brasileiros comemorem o hexacampeonato. E, imbuída desse espírito de renovação, a associação deseja boas-vindas aos seus associados neste 2018 e elenca abaixo as benfeitorias realizadas até 2017:

– excelente estrutura com seis quadras de tênis – no saibro – para associados, além de espaço do tenista em fase de conclusão (contato:99318-8300, Daniel);

– expansão do box de crossfit, com um segundo pavilhão reservado para aulas de jiu-jítsu e de krav maga(luta de defesa pessoal), além de um quiosque com alimentação saudável (contato: 98436-3068, Rodrigo);

– edificação em andamento da segunda quadra de pádel,com área de lazer  e urbanização. As quadras da modalidade, que mescla tênis com squash, são exclusivas em Brasília (contato: 98134-0400, Joan);

– campos de futebol e de futebol society totalmente revitalizados, sendo que este último se tornou referência na capital federal (contatos: 98471-0617, Renato Arrochella/ 99994-8489, Geraldo);

– entrega de três novíssimas quadras de beach tennis no clube. O professor dessa atividade é o atual número 1 de Brasília, e os jogos da modalidade das Olimpíadas dos Tribunais de Contas de 2017 foram disputados nesses espaços (contato: 98170-3478/ 98170-3478, Gustavo);

– academia nas dependências do TCU (contato: 98104-6161, Felipe);

– bar equipado, modernizado e com uma variedade de produtos comercializados (contato: 99994-8489, Geraldo);

– liberação da piscina grande para uso dos sócios e de seus dependentes;

– revitalização da grama que compõe o espaço do crossfit, com inserção de um brinquedo para crianças no local;

– colocação de catraca na entrada do clube;

– troca da rede da quadra de voleibol de areia;

– iminência de reforma dos vestiários;

– churrasqueira grande com 14 jogos de mesas e com freezer horizontal (contato: 3316-7184/7321,Yara);

– oito churrasqueiras pequenas (contato: 3316- 7184/7321,Yara).

Gasolina mais em conta para associados da ASTCU.

(Fontes:Sindilegis/ASTCU)

Associados da ASTCU poderão abastecer o carro pagando apenas R$ 3,69 no litro da gasolina comum e R$ 4,05 na aditivada.

Cada participante poderá adquirir dois vouchers de 20 litros de gasolina comum e mais dois de 20 litros de aditivada, somando 80 litros por CPF.  Basta gerar o bilhete no site do Legis Club Brasil (legisclub.org.br) e apresentar o código nos postos da Disbrave (exceto no posto do Lago Norte). O pagamento deverá ser feito diretamente no posto de combustível.

A promoção é válida até o dia 31 de janeiro. Portanto, aproveite!

Confira o passo a passo para gerar o seu voucher:

  1. Acesso o site do Legis Club Brasil (legisclubbrasil.org.br);
  2. Faça o login na área restrita;
  3. Clique na opção VOUCHER GASOLINA;
  4. Selecione a opção de quantidade de vouchers de gasolina comum e/ou aditivada e clique na opção GERAR.

Para outras informações sobre as próximas promoções, é necessário atualizar os dados cadastrais diretamente com o Legis Club Brasil. A atualização pode ser feita pelo site www.legisclub.org.br ou pelo telefone (61) 3223-7705.

ENDEREÇO DOS POSTOS DISBRAVE:

Obs.: O posto LAGO NORTE não faz parte da ação  por não pertencer mais à rede DISBRAVE.

– Asa Norte – Posto Disbrave 503 Norte – Bandeira Shell (24h)

SEP/Norte Quadra 503 Conj. A – W3 Norte – Asa Norte (Ao lado da concessionária V12)

– Asa Sul – Posto Disbrave Imperial – Bandeira Shell (24h)

Setor Hoteleiro Sul, Quadra 02 Bloco F – Pll – Asa Sul (Ao lodo do Hotel BonaParte)

– Estrutural – Posto Disbrave Estrutural – Bandeira Petrobras

Quadra 10 Conj. 02 Lote 08 – SCIA – Guará

– Guará – Auto Posto Friday – Bandeira Shell (24h)

QE 20 Lote I PLL S/N – Guará I

– Núcleo Bandeirante – Auto Posto São Marcos – Bandeira Shell (24h)

SMPS Rodovia Brasília/Anápolis Lote 02 – Núcleo Bandeirante (Ao lado do Paraíba Carne de Sol)

– Sobradinho – Posto Disbrave Sobradinho – Bandeira Shell (24h)

Área Especial nº 1 Quadra 11 – Setor de Expansão Econômica – Sobradinho

– Posto Disbrave – Bandeira Shell (24h)

Rodovia BR-040 KM 12 Quadra 01 Lote 01 Gleba F – Parque Esplanada III – Valparaiso de Goiás.

Servidores celebram apresentação musical em homenagem aos 90 anos de Tom Jobim

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

Projeto contempla as Quintas Musicais

Na tarde última quinta-feira (7), o Auditório Arnaldo Prieto foi palco de homenagem aos 90 anos de Antônio Carlos Jobim. Durante 1h30, servidores tiveram a oportunidade de apreciar as mais belas canções do maior expoente da MPB. A ação, uma iniciativa da ASTCU em parceria com a Auditar e com a Mercante Seguros, integra o projeto Quintas Musicais, que tem como finalidade proporcionar lazer e interação, além de estimular o intercâmbio cultural no TCU.

 

Na ocasião, o Trio Sambrasil- cujo repertório é totalmente dedicado a Tom Jobim e a seus principais parceiros musicais, em especial, o compositor e poeta Vinicius de Moraes, Baden Powell e Toquinho –  e o saxofonista José Voltaire uniram seus talentos para protagonizar uma apresentação impecável. E, para traduzir em palavras toda a emoção transbordante da alma de Vinicius de Moraes, o poeta Newton Lima emocionou a plateia com declamações de poesias do “poetinha”. Na lista de poemas, A Ausente, A Rosa de Hiroshima, Poética, Soneto do Amor Total e Dialética.

 

Segundo o presidente da ASTCU, Regis Machado, em meio à rotina  desgastante de trabalho, as Quintas Musicais contribuem para o bem-estar e para a qualidade de vida dos servidores ao proporcionarem momentos de descontração com música ao vivo de qualidade.

 

“Atendendo a sugestões, a partir de 2018, o evento passará a se chamar Quintas Culturais e abrangerá, também, outras manifestações artísticas, envolvendo servidores cujo talento não é conhecido pelos colegas do tribunal. Aproveitando o ensejo, não posso deixar de mencionar que achei sensacional a declamação de poesia realizada pelo servidor aposentado José Carlos Nascimento”, pontuou Machado. De forma descontraída, o servidor inativo subiu ao palco e declamou “Sem Medo”.

 

“Ações como essas são muito proveitosas para nós, servidores, em razão do trabalho estressante que desenvolvemos. Portanto, esse tipo de relaxamento é essencial. Gostei muito da iniciativa da ASTCU e da apresentação. Agradeço à associação a iniciativa e proponho que ela continue a promover esses eventos, que são muito interessantes”, sugeriu o servidor Mauro Antônio Toledo, da SecexFazenda.

 

Repertório executado

Brigas Nunca Mais, Berimbau, Este Seu Olhar, Wave, Só Tinha de Ser com Você , Luiza, Só Danço Samba, Regra Três ,O Morro Não Tem Vez, Água de Beber ,Garota de Ipanema, Chega de Saudade ,Insensatez, Falando de Amor ,Desafinado, Eu sei que Vou te Amar ,Deixa.

Terceira edição das “Quintas Musicais” homenageia Tom Jobim

(Jornalista: Milena Abrahão Khoury)

Para homenagear os 90 anos de Tom Jobim, a ASTCU- por meio do projeto Quintas Musicais- apresenta no dia 7 de dezembro, às 16h, no auditório Arnaldo Prieto (Anexo III, térreo), o Trio Sambrasil.   O objetivo da proposta é divulgar a boa música que, além de proporcionar lazer e interação, estimula o intercâmbio cultural. Na ocasião, será servido um coquetel de abertura para os servidores.

O repertório dos músicos Diego Prestes, Wander Santos e Almir Cássio é totalmente dedicado ao maestro Antônio Carlos Jobim e a seus principais parceiros musicais, em especial, o compositor e poeta Vinicius de Moraes, Baden Powell e Toquinho. Serão 20 canções ao todo, executadas por dois violões e percussão.

A apresentação terá duração de 1h30. Durante esse período, além da execução das canções, os artistas recordarão histórias relativas às composições. Serão reveladas curiosidades sobre o repertório, além de declamações de poesias de Vinicius de Moraes realizadas por um poeta de Brasília. Na lista de poemas, Ausente, A Rosa de Hiroshima, Poética, Soneto do Amor Total e Dialética.

Tom Jobim

Antônio Carlos Jobim completaria, em 2017, 90 anos de vida. Com vasto repertório musical e um dos precursores da Bossa Nova, esse singular compositor e instrumentista é ganhador do Grammy .

Apresentação

O Trio Sambrasil é composto por artistas brasilienses graduados em música pela UnB, local onde se conheceram e iniciaram suas carreiras. Possuem mais de cinco anos de estrada, participando de vários eventos culturais em Brasília e em outros estados.

Servidores- atletas do TCU levam tribunal ao primeiro lugar na Olimpíada dos Tribunais de Contas 2017

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

Com o melhor desempenho, o TCU sagrou-se campeão da Olimpíada dos Tribunais de Contas 2017. Ao todo, o tribunal conquistou 52 medalhas, sendo 19 de ouro, 17 de prata e 16 de bronze. O evento, sediado em Brasília entre os dias 28 de outubro e 2 de novembro, reuniu servidores dos Tribunais de Contas de todo o Brasil e do Uruguai motivados pela competição e, sobretudo, pelo espírito olímpico.

 

O objetivo da OTC, cuja realização já se tornou tradição entre os Tribunais de Contas, é estimular a integração, o congraçamento e o enfrentamento de obstáculos cotidianos, além de promover a busca pela melhoria da qualidade de vida do servidor, atenuando o estresse diário.

 

Integraram o rol de atividades esportivas oferecidas no evento as seguintes modalidades: futebol society, futebol de salão, voleibol indoor, voleibol de praia,  tênis de campo, tênis de mesa, corrida  de 5km e  de 10km, pesca esportiva, beach tennis, tiro esportivo, basquete, futevôlei, natação, bocha,  boliche, dama, dominó, pebolim, pôquer, truco, sinuca e xadrez.

 

Medalhistas da OTC 2017

Das mãos irretocáveis do colecionador de medalhas Marcelo Klimkievicz, que compôs dupla sênior com o ministro Augusto Nardes, livre com Luiz Gustavo Andrioli e master com Guilherme Barbosa, o TCU garantiu três ouros. Klimkievicz também subiu no pódio pela simples sênior e ainda ganhou duas pratas nas categorias simples livre e master. Guilherme Barbosa levou uma prata na simples sênior.

 

Em um jogo em que os adversários do TCE-SP fizeram muita catimba, o futsal masculino garantiu a prata para o TCU. A equipe do tribunal esteve representada pelos servidores-atletas Alison Souza, Yuri Carvalho, Gerson Sousa, Renilson Barboza, Lucas Santa Ana, João Marcos Ribeiro Santa Ana, Rafael Bittencourt,  Luiz Gustavo Andrioli, Leonardo Costa, Cláudio Nogueira e Raphael Gomes.

 

No voleibol de areia feminino de dupla master, Simone Barbosa e Adalgisa Soares conquistaram o ouro olímpico. As atletas mostraram um alto nível de jogo e derrotaram com facilidade as adversárias. Com sua parceira de quadra, Bruna Mara Couto, Barbosa também conquistou o bronze na categoria dupla livre. Por sua vez,  Carline Alvarenga e Luciana Schneider festejaram o bronze olímpico na dupla master. No masculino master, a dupla Lúcio Menezes e Walisson Correia ficou com medalha de bronze.

 

No beach tennis, Alessandra Santos e Rosa da Silva Rêgo, revelações na modalidade, levaram medalha de prata na dupla livre. Alessandra Santos, que iniciou seus treinos há poucos dias da competição, também ganhou a medalha de bronze na categoria simples livre.  Por sua vez, Simone Barbosa ficou com a medalha de prata na categoria simples master.

 

Nessa mesma modalidade, na categoria masculina, a destacada participação de Marcelo Klimkievicz conduziu o atleta à medalha de ouro na simples master e na simples livre. Ele também conquistou mais dois ouros, sendo um na dupla master, com o experiente Lúcio Menezes, e o outro na dupla livre com o construtor de bonitas jogadas, Fernando Pochyly, que ainda ficou com a prata na simples livre. Entrosada, a dupla Yuri Carvalho e Lúcio Menezes garantiu o bronze na livre.

 

 

Renata Leal Couto, Lívia Fernanda, Ana Beatriz Lemos, Bruna Mara Couto, Carline Alvarenga, Cláudia Vieira Pereira, Adalgisa Soares, Lucimar Vieira, Dione de Cerqueira, Simone Barbosa, Luciana Schneider, Aline Ferreira e Sarah Souto, as meninas de prata do voleibol indoor feminino, aliaram talento e raça na acirrada partida contra o TCE- PI.

 

Com o pescoço envolto em medalhas, Patrícia Maria Skolaude Corrêa manteve a liderança no pódio da natação ao conquistar quatro pratas (nos 25m livre, nos 25m costas e nos 25m borboleta sênior, além do revezamento 4x25m livre, em parceria com Cláudia Vieira Pereira, Carline Alvarenga e Aline Rodrigues). Além disso, ficou com o bronze nos 25m peito sênior. Repleta de disposição, Margarida Rodrigues Ferreira conquistou três bronzes nos 25m livre, nos 25m costas e nos 25m peito na categoria best sênior.

 

Na natação masculina, o TCU também se fez presente no pódio com o bronze de Rodrigo Márcio, Eduardo Monteiro, Eugênio Vilela e Marcelo Orlandi no revezamento 4x25m livre. Somada a essa medalha, o veterano Antônio de Moura Lima ainda trouxe mais uma de bronze e uma de prata para o tribunal nos 25m costas e nos 25m peito, respectivamente, na categoria best sênior. Marcelo Orlandi fechou o quadro de medalhas com um bronze no 25m costas master.

 

 

Com estratégia, Flávio Sposto assegurou a medalha dourada no xadrez, bem como a dupla Lívia Fernanda e Adalgisa no boliche feminino.

 

No Pebolim do TCU deu a dobradinha Pedro Freitas e Clindemberg Mendes  Patrício, com a medalha dourada, e Marcus Borela e Breno Soares, que garantiram a prata para o tribunal.

 

No tiro masculino, o TCU mirou em três vitórias, conquistando o título com Oscar Rocha, a prata com Rommel Brandão e o bronze com Jordão Poletto. Por sua vez, mesmo febril, Tatiana Corrêa garantiu o ouro na mesma modalidade, categoria feminina.

 

Com destreza, Rosana Oliveira foi prata no tênis de mesa individual e ouro, com a raça de Maria Quarta, no tênis de mesa em dupla master.

 

Habituado com o degrau mais alto do pódio, Renilson Barbosa reiterou sua invencibilidade com um ouro na corrida de 10 km livre. Antônio de Moura Lima conquistou o ouro no best sênior, corrida 10km, e Marcelo Orlandi e Breno Soares ficaram com o ouro e com a prata, respectivamente, na corrida de 10km do master. Superando desafios, Cláudia Jordão abocanhou um ouro nos 5km livre, categoria feminina. Já Ana Maria Alves, assegurou o bronze nos 5km master.

 

Em um jogo emocionante decidido nos pênaltis, – assim como foi a disputa pela vaga na semifinal-  o futsal feminino, representado por Alessandra Santos, Renata Leal Couto, Lívia Fernanda, Manuela de Andrade, Maria Quarta, Rosa da Silva Rêgo, Deane D’ Abadia, Ana Beatriz Lemos, Ana Maria Alves e Rosana Oliveira, conferiu medalha de prata ao TCU.

 

 

Dione de Cerqueira, Renata Leal Couto, Alessandra Santos, Ana Beatriz Lemos, Lucimar Vieira, Ana Cristina Coutinho, Patrícia Maria Skolaude Corrêa, Cintia de Lima, Deane D’ Abadia e Manuela de Andrade ainda acumularam mais uma medalha para os esportes coletivos do TCU: dessa vez, um bronze olímpico no basquete.

 

Garra e um incrível espírito de equipe marcaram a partida de basquete dos meninos de ouro Uriel Papa, Victor Moraes, Pedro Freitas, Carlos Siqueira, Marcelo Freire, Rommel Brandão, Oscar Rocha, Fábio Guimarães, Eugênio Siqueira e Ivan Rogedo.

 

 

Pronunciamento do ministro Augusto Nardes

Na cerimônia de encerramento da OTC, o ministro Augusto Nardes agradeceu a presença dos servidores-atletas dos diversos estados brasileiros e dos “irmãos” uruguaios no evento e enfatizou que o esporte é uma forma de integrar e de buscar amigos para compartilhar momentos de alegria. Ele ainda destacou que o Controle Externo é única instituição capaz de transformar o Brasil.

Nardes ainda sugeriu uma moção de aplausos aos Conselheiros dos Tribunais de Contas dos demais estados e rendeu homenagem ao presidente do Comitê da Olimpíada dos Tribunais de Contas, Conselheiro Wilson Wan-Dall(TCE-SC) e  aos organizadores da competição, Evandro Arruda (TCE-PR), Alison Souza e Simone Barbosa, bem como ao servidor Telmo Urasato, que faleceu durante a competição.

E, para concluir seu pronunciamento, arrematou: “O mais importante na relação humana é ter amigos e aqui estão os amigos do Controle Externo do Brasil e do Uruguai”.

ASTCU tem três novas quadras de areia

(Jornalista: Milena Abrahão Khoury)

Acabaram de ser concluídas as obras de construção de três novas quadras de areia no clube da ASTCU, que serão utilizadas para jogos de vôlei de praia, de beach tennis e de futevôlei. Ao todo, agora, o clube conta com quatro quadras para a prática dessas modalidades.

Em breve, serão divulgadas as informações sobre os horários das aulas nas novas quadras. Os espaços estão sediando os jogos das Olimpíadas dos Tribunais de Contas que terminam nesta terça-feira (2). Em seguida, as quadras serão disponibilizadas para uso dos associados.

Além disso, o box de crossfit, na parte superior do clube, está passando por um processo de expansão, com a construção de um segundo galpão. Vem muita novidade por aí em relação a esse esporte. O gramado ao redor dos galpões também está sendo revitalizado.

Em novembro já deve ficar pronta, também, a segunda quadra de pádel, modalidade encontrada com exclusividade, em Brasília, no clube da ASTCU.

O clube está em desenvolvimento para beneficiar ainda mais os sócios.

Entidades associativas comemoram o Dia das Crianças no clube da ASTCU

(Jornalista: Milena Abrahão Khoury)

A celebração do Dia das Crianças da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União (ASTCU), realizada em parceria com a Associação Nacional dos Servidores Aposentados e Pensionistas do TCU (ASAPTCU), no último dia 12 de outubro, no clube da ASTCU, contou com a participação de cerca de 140 pimpolhos e fez adultos voltarem a ser crianças por algumas horas.

Em um cenário recheado de muita animação, pais e filhos participaram de uma gincana, que reuniu brincadeiras de rua com distribuição de brindes aos vencedores. Mas não foi só isso: a criançada ainda curtiu, ao som de músicas animadas, atividades como a miniaeróbica, o boliche humano, a batalha de cotonetes, o vôlei aquático, o futebol de sabão, a cama elástica, o slackline (fita esticada entre duas árvores), além de brinquedos infláveis. E, para manter o pique dos pequenos, a organização distribuiu comidinhas como cachorros-quentes, pipocas, algodões-doces, picolés e refrigerantes.

Segundo o presidente da ASTCU, Regis Machado, a instituição se preparou melhor para atender os anseios dos associados, cada vez mais exigentes. “A festa cresce a cada ano e isso nos obriga a planejar com mais antecedência e a profissionalizar nossos eventos. Este ano, aumentamos muito a quantidade de atrações e buscamos uma proposta que também envolvesse os pais nas brincadeiras, o que foi ótimo”, afirmou. Junto com o diretor administrativo da ASAPTCU, João Erismá, ele se emocionou ao comentar sobre a festa: “Dá gosto ver o clube cheio assim, crianças e pais brincando por todos os lados, sorrisos em todas as direções que olhamos”.

“A festa está muito legal, as crianças estão se divertindo muito, comendo, interagindo com a família e adorando os brinquedos. Show de bola”, assinalou o servidor Jorge Fernando, que levou Thiago, de 2 anos, Rafaela, 3 anos, e Isabela, de 1 anos, para curtirem o evento.

O servidor Carlos Henrique Siqueira também elogiou a festa: “Há brinquedos diferentes, como o do cotonete, por exemplo. As crianças estão adorando. E, se elas estão adorando, o pai fica mais tranquilo”, disse. Por sua vez, sua filha Luana, de 6 anos, contou que adorou a festinha e que gostou “muito, muito” da cama elástica. Sua irmãzinha Letícia, de 3 anos, também se divertiu para valer.

Para a servidora Sarah Souto, era visível a maior organização da festa desse ano. “Nos anos anteriores, sempre foram muito boas, mas, em 2017, está ainda melhor, com mais opções para as crianças e mais integração entre os pais e seus rebentos”, surpreendeu-se. O filho da servidora, Daniel Souto, de 8 anos, questionado sobre seu brinquedo preferido, respondeu: “A melhor brincadeira? Ah, o futebol, com certeza. É meu esporte favorito”.

Servidor, venha celebrar o Dia das Crianças com ainda mais interação no clube da ASTCU!

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

Contação de histórias infantis, miniaeróbica, futebol em família, gincana com brincadeiras de rua, slackline (prática esportiva de equilíbrio sobre um elástico), oficina de circo com malabares, pintura de rosto, cama elástica, boliche humano, jogos aquáticos e música animada. Tudo isso vai compor o cenário de atrações do Dia das Crianças, que neste ano apresentará atividades lúdicas que prometem promover ainda mais integração entre avós, pais e filhos.

 

O evento, uma realização da ASTCU em parceria com a Auditar, com a ASAP-TCU, com o Sicoob e com o Banco Alfa, está sendo preparado com muito carinho para os pimpolhos e acontecerá no próximo dia 12 de outubro (quinta-feira), das 10h às 16h, no clube da associação.

 

No cardápio preparado para a criançada constam cachorro-quente, algodão- doce, refrigerantes, pipoca e festival de picolés. Para os papais e para as mamães, serão comercializadas bebidas e produtos alimentícios variados.

 

“O Dia das Crianças, além de ter se tornado uma festa tradicional do calendário da associação, é uma data aguardada com entusiasmo pelos colegas servidores”, comemorou o presidente da ASTCU, Regis Machado.

 

Ele ainda enfatizou que o evento contribui de forma efetiva para a integração, para a valorização e para o sentimento de pertencimento entre associados, demais servidores e seus familiares.  “Neste ano, optamos por atividades que priorizem ainda mais a interação entre avós, pais e filhos, destacou Machado.

 

Informações

 

A festa do Dias das Crianças deste ano será realizada pelo Centro de Formação em Handebol e Esportes Ltda. (CFH Esportes), empresa que atua há 17 anos no mercado de atividades esportivas e de entretenimento.

 

Durante toda a estada no clube, a criançada será auxiliada por monitores, além de um brigadista. Para participar de determinadas brincadeiras, a organização informou que os pimpolhos devem trazer de casa roupa de banho, toalha e protetor solar. Haverá entrega de brindes no encerramento da festinha.

 

Confirme presença pelos telefones: 3316- 7184/3316-7321.

Servidor sagra-se campeão da terceira classe em torneio de tênis na ASTCU

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

Em um duelo acirrado, o servidor Marcelo Klimkievicz emplacou uma vitória na terceira categoria masculino de simples do I RC Open de Tênis do clube da ASTCU. A final da disputa, que foi decidida no super tie-break por 10 a 8, conferiu prêmio em dinheiro e troféu ao campeão.

O torneio, que reuniu cerca de 200 atletas de categorias diversas, consolidou o clube da ASTCU como referência no tênis de saibro e contribuiu de forma efetiva para estimular servidores-atletas a praticarem a modalidade.

Nesse sentido, Marcelo Klimkievicz destacou que o sucesso de um campeonato de tênis é definido pela conjugação da quantidade de participantes com o número e a qualidade das quadras, além da forma de organização do evento. “E a ASTCU cumpriu esse papel de modo muito satisfatório nesse torneio de alto nível. Tenho certeza de que agora teremos ainda mais colegas servidores participando dos jogos de tênis aqui no clube”, pontou Klimkievicz.

Questionado sobre a conquista do título na terceira classe, Marcelo Klimkievicz  confidenciou que a partida foi difícil e desgastante. “Joguei com o Adilson de Oliveira, excelente tenista que integra  a barragem do clube da ASTCU, mas felizmente consegui ganhar dele no super tie-break. Porém, aquele que saísse vitorioso do jogo mereceria o primeiro lugar da classe”, esclareceu.

Por sua vez, para o servidor Cláudio Gomes, da Seinfra Rodovia Aviação, a iniciativa da ASTCU em realizar o torneio foi uma alavanca para estimular servidores-atletas e para promover o esporte dentro do TCU. “Cerca de 200 atletas participaram do torneio que, na minha visão, foi um êxito. Durante dois fins de semana, o clube estava totalmente lotado. Havia os jogadores e aquelas pessoas que iam torcer por eles, evidenciando que a disputa foi acirrada”, assinalou.

Na ocasião, também citou mudanças que observou no clube: campos de futebol totalmente reformados, novas quadras de tênis edificadas, com melhorias em sua infraestrutura, e significativa melhora verificada no bar. “Ainda temos de evoluir, mas isso é com o tempo. Estamos chegando lá”, constatou.

Balanço do evento

De acordo com Ricardo Caetano, professor de tênis da ASTCU e organizador do torneio, o sucesso alcançado inseriu o campeonato – que contou com a presença de cerca de 200 atletas – na agenda anual de eventos esportivos promovidos pela ASTCU.

Segundo Caetano, uma das formas de constatar o êxito do evento foi a reação positiva de servidores em relação à organização do evento, à integração promovida entre os participantes e à infraestrutura das quadras. “Os servidores Cláudio Gomes e Lúcio Jacomini me disseram que já estão treinando para o II RC Open porque adoraram a experiência desse primeiro evento”, contou o organizador. E arrematou: “Com esse feedback, colocamos a ASTCU no mapa do tênis brasiliense e quem mais ganha com isso é o servidor do TCU. O segundo campeonato trará ainda mais novidades e surpresas. Aguardem!”.

Já o servidor Cláudio Gomes disse que o assunto tênis é recorrente entre os colegas de trabalho que, segundo informou, estão motivados pelo sucesso do I RC Open de Tênis da ASTCU. “Aqueles que não praticam a modalidade estão pensando em começar a jogar. E o clube é aqui do lado. Isso é um outro incentivo para que frequentemos o espaço”, completou.

Benefícios alcançados pela ASTCU

Entre as benfeitorias realizadas no clube da ASTCU para o campeonato incluem-se: reboco do rodapé e pintura das quadras, inserção de dois guarda-sóis em cada uma delas, instalação de lonas para bloquear a luz dos refletores do campo de futebol society que incidia sobre as quadras um, dois e três de tênis e mangueiras novas com bico especial para aspergir todas as quadras de saibro. Vale ressaltar que os recursos financeiros são provenientes da RC Tênis, dos demais patrocinadores e das inscrições para o torneio.

Clube da ASTCU inaugura torneio de tênis em uma atmosfera de entrosamento e entusiasmo

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

A festa de abertura do I Torneio RC Open de Tênis do clube da ASTCU aconteceu em um clima de bastante descontração, reunindo cerca de 200 pessoas entre servidores- atletas, demais tenistas e familiares. No cardápio da noite do evento, entretenimento garantido embalado ao som de um DJ, que não deixou nenhum convidado perder o pique, além de exposição de quadros e sorteio de brindes. E, para degustar, apetitosos salgadinhos, além de sucos, refrigerantes, água e cervejas, sendo que esse último produto foi patrocinado pelo bar do clube, o “Drop Bar”.

Entre os itens sorteados, passagens aéreas de ida e volta para o ATP 500 do Rio/2018(torneio disputado internacionalmente), uma raqueteira Wilson no valor de R$400, dois vales- compra no valor de R$ 100 cada para serem consumidos em uma loja especializada em peças de vestuário que protegem contra raios UVA, além de uma maquiagem profissional.

Na fala de abertura, o organizador do torneio, Ricardo Pereira, salientou que o objetivo dos sorteios foi, além de estimular, integrar os atletas para que iniciassem a competição mais entrosados. Ele também destacou que a festa de inauguração foi uma oportunidade de os servidores conhecerem e reconhecerem o clube, além de poderem constatar as mudanças empreendidas no espaço.

Quanto às expectativas para a competição, ele manifestou entusiasmo com o número expressivo de inscritos e ressaltou que esse resultado positivo é fruto do comprometimento da Diretoria e dos gestores em melhorar a infraestrutura do clube da ASTCU. “As quadras passaram por uma pequena reforma para receber os tenistas do TCU e de outros locais de Brasília. Espero que fiquem todos satisfeitos, pois estamos sempre pensando em benfeitorias, sobretudo para os associados”, frisou Pereira.

Por sua vez, o gestor do tênis e coordenador da barragem do clube, Daniel Dantas, frisou que o RC Open é a concretização de um calendário para o tênis na ASTCU, com a abertura do espaço para os associados e demais servidores utilizarem. “É um marco para o tênis, em um espaço totalmente novo e reestruturado – que ainda pende de melhorias- mas que, gradativamente, estão acontecendo. O sentimento experimentado é de realização e de vitória”, comemorou Dantas.

Ele ainda comentou que inúmeros atletas não elegeriam a ASTCU se não soubessem que o clube abriga boas instalações e uma estrutura digna para receber o tênis. “Quem acaba ganhando com isso é o servidor do TCU, sobretudo o associado. A Diretoria e os gestores envolvidos estão trabalhando com muita humanidade e dignidade para que tudo isso que estamos presenciando hoje acontecesse”, arrematou.

Marcelo Klimkievicz, um dos servidores-atletas participantes do torneio, disse considerar a iniciativa uma excelente oportunidade para movimentar e divulgar o clube, inclusive para que tenistas que não compõem o quadro de servidores conheçam a infraestrutura do espaço. Ele ainda conclamou os servidores do tribunal que praticam tênis para participarem ainda mais dos eventos esportivos promovidos pela ASTCU. “Eu sinto falta da presença dos meus colegas participando mais dos jogos. A barragem do clube está muito boa, as quadras estão em ótimo estado e agora também temos a modalidade pádel, que é uma novidade em Brasília trazida pelo TCU, e- em breve- o beach tennis”, assinalou Klimkievicz.

Ele ainda destacou que o torneio, além de ser uma forma de confraternizar e de se divertir com colegas de trabalho, já reforça a preparação para as olimpíadas dos tribunais de contas, que acontecem no mês de outubro em Brasília e que reunirão dezenas de servidores.

Competição

O torneio, que começou no último fim de semana, está a todo vapor, encerrando-se no próximo dia 24. Integram o duelo, além das categorias de simples, seis de dupla: mista A e B, masculino A e B e feminino A e B, sendo que somente as categorias simples serão premiadas. A competição está sob a fiscalização da Federação Brasiliense de Tênis (FBT).