Servidoras dão pontapé inicial e inauguram, com muita descontração, campo de futebol society do clube da ASTCU

(Jornalista: Milena Abrahão Khoury)

De forma descontraída e rompendo a tradição, no último dia 18, o campo society da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União (ASTCU) foi inaugurado pelo grupo feminino de futebol do TCU. Os times Branco e Vermelho, formados por servidoras e convidadas, disputaram duas eletrizantes partidas por cerca de duas horas. No primeiro jogo, o time Branco levou vantagem, fechando o placar em 3 a 0. Mas a equipe adversária pediu revanche e definiu o resultado do segundo confronto em 4 a 2.

Questionadas sobre a sensação experimentada ao participarem de uma ação que tradicionalmente é voltada para os homens, as servidoras-atletas enalteceram a atitude da Diretoria da ASTCU. “Estamos nos sentindo prestigiadas por termos sido convidadas para inaugurar o campo de futebol society, o qual, aliás, ficou excelente! Se nos deram essa bela oportunidade, por que não aproveitá-la até mesmo para jogarmos outras partidas no clube?”, salientou Renata Couto. “É um sentimento de valorização, além de ter sido superdivertido. Dessa vez, inverteram-se os papéis, e os homens foram os espectadores, enquanto as mulheres brigavam em campo”, divertiu-se Alessandra Santos, atacante da equipe do Tribunal.

Paralelamente, as jogadoras também mencionaram um rol de contribuições proporcionadas pela prática de esportes: cultivo de um ambiente de trabalho mais saudável, leve e produtivo; oportunidade de conhecer colegas de áreas diversas e, assim, dissolver preconceitos; manutenção da saúde e da qualidade de vida; relaxamento.

De acordo com o Presidente, Regis Machado, a estratégia que resultou nessa ação, e que vem sendo executada paulatinamente, é a de fomentar a presença feminina no clube, incentivando que, além dos homens com seu já tradicional futebol, também mulheres e crianças usufruam mais daquele espaço. “O clube da ASTCU está ficando muito agradável para um programa familiar de final de semana, por exemplo. A pedido das mamães, inclusive, estamos estudando a instituição de uma brinquedoteca, que certamente será um sucesso”, arrematou.

Para o Presidente do Sindilegis, Petrus Elesbão, “muito nos alegra que a ASTCU, essa grande parceira do sindicato, agora presenteie os servidores do Legislativo e do TCU com o melhor campo de futebol society de Brasília”. Ele disse, ainda, que o espaço certamente será um ponto de encontro e de confraternização entre servidores, familiares e amigos. “Nossas peladas agora serão em grande estilo, em gramado com padrão Fifa de qualidade, fator essencial para a realização dos jogos de alto nível que teremos nas Olimpíadas dos Tribunais de Contas 2017”, avaliou Elesbão.

Disponibilização do campo society e Olimpíadas dos Tribunais de Contas 2017

A ASTCU colocou o campo à disposição dos servidores para realizarem treinos e para praticarem o esporte para lazer. Por sua vez, a servidora e capitã do time de futebol do TCU, Alessandra Santos, conclamou as mulheres para participarem das próximas Olimpíadas dos Tribunais de Contas, que, neste ano, acontecerão em Brasília, entre os dias 28/10 e 2/11. A servidora Renata Couto emendou: “O esporte coletivo é feito de pessoas que se complementam e a intenção é confraternizar. As Olimpíadas podem nos proporcionar inúmeras recompensas nesse sentido. Não é preciso técnica, mas vontade e disposição para jogar. Participem, servidoras!”

Modalidades desportivas oferecidas: futebol society, futsal, vôlei indoor, vôlei de praia, tênis de campo, tênis de mesa, corrida (5 e 10 km), pesca esportiva, beach tennis, tiro esportivo, basquete, natação, bocha, boliche, dama, dominó, futevôlei, pebolim, pôquer, truco, sinuca e xadrez. Para informações detalhadas, acesse o site www.otc2017.com.br ou entre em contato com os membros da Comissão Organizadora do evento: Alison Souza, Simone Barbosa e Dario Corsatto. Coordenadoras para as equipes femininas: Lívia Fernanda (geral), 99555-3355; Manuela Faria (basquete), 98306-9496; Alessandra Santos (futsal), 98635-9627; Patrícia Maria Corrêa (natação), 99912- 4814; Aline Ferreira (vôlei), 98106- 0860.

1º Torneio Society 2017 da ASTCU

No próximo dia 25 de junho, o clube da ASTCU sediará seu 1º Torneio de Futebol Society após a inauguração do campo, entre times formados pelas Secretarias do Tribunal. A taxa de inscrição será de R$ 20 por atleta. Mais informações com Alison Souza: alisonam@tcu.gov.br.

Comunicado sobre a suspensão temporária do uso das piscinas do clube

Prezado(a) associado(a),

Venho por meio deste comunicado informar-lhe que o contrato da ASTCU com a Escola de Natação Umidade 10 não foi renovado e a empresa, portanto, estará deixando as dependências do clube nos próximos dias. Essa parceria vigeu durante os últimos cinco anos e trouxe vários frutos, tais como o aquecimento e a iluminação da piscina, além de melhorias técnicas com relação à manutenção permanente da qualidade da água. No momento, já estão sendo avaliadas pela Diretoria Executiva duas propostas de outras escolas de natação. Nesse sentido, esperamos poder anunciar uma nova parceria em breve.

Aproveitaremos este interregno para realizarmos algumas benfeitorias há muito desejadas, sobretudo a reforma e a substituição de alguns equipamentos antigos das casas de máquinas das piscinas do clube. Esse trabalho engloba, também, as recomendações feitas pela Diretoria de Vigilância Sanitária/DF, conforme laudo técnico realizado recentemente. Como a realização dessas melhorias impede a manutenção adequada da qualidade da água, a Diretoria Executiva, por segurança, decidiu impedir o uso das duas piscinas do clube durante as próximas três semanas. Se houver necessidade de prorrogação desse prazo, informaremos oportunamente.

A Diretoria Executiva vem trabalhando arduamente nos últimos anos para melhorar as instalações do clube e aumentar o número de serviços oferecidos a você e a seus familiares. A reforma das casas de máquinas é mais um passo nesse sentido.

Ao tempo em que nos desculpamos por quaisquer inconvenientes causados, pedimos a compreensão de todos.

Atenciosamente,

Regis Machado
Presidente

Aumento do número de frequentadores estimula ASTCU a construir sexta quadra de tênis

(Jornalista: Milena Abrahão Khoury)

Em meados deste mês, o clube da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União irá inaugurar sua sexta quadra de tênis. Ainda integra o projeto da ASTCU para a modalidade a edificação do Espaço do Tenista. Esse empreendimento contemplará uma área de convivência para os tenistas, com churrasqueira e salas destinadas à reunião da Diretoria e à acomodação do material de trabalho dos professores.

De acordo com o gestor do tênis e presidente da Associação de Tênis Barragem Defer (ATBD) do clube da ASTCU, Daniel Dantas, a ideia é revitalizar a área do tênis e proporcionar um espaço mais aprazível que reflita os anseios dessa nova gestão e também dos  tenistas associados . “Para isso, pretendemos instalar uma TV e um computador na sala de reuniões e reservar uma área ao lado do Espaço do Tenista para a prática de alongamento”, pontuou.

No entanto, vale ressaltar que servidores praticantes das demais modalidades oferecidas no clube poderão ter acesso à área. “O Espaço do Tenista é uma área comum do clube, mas que tem sua especificidade para o tênis dada a sua proximidade com as quadras, porém, terá livre acesso”, assegurou Daniel Dantas.

Nesse sentido, o servidor e tenista Marcos Vieira acredita que o Espaço do Tenista funcionará como um local de agregação entre os atletas e suas famílias. “Jogar tênis, estar no meio dos colegas de trabalho para conversar e se divertir é um momento de redenção, de lazer. E esse espaço, assim como as partidas de tênis, proporcionará esse congraçamento”, avaliou Vieira. Ele ainda aproveitou o ensejo para opinar sobre as benfeitorias implantadas no clube: “a atual gestão vem atuando de forma mais efetiva. E isso tem sido observado na constância e no aumento do número de frequentadores do tribunal ao clube”.

Mudanças implementadas no tênis na nova gestão 

A atual Diretoria da ASTCU tem realizado um trabalho de revitalização no clube, o que inclui o tênis. Hoje a associação conta com seis quadras da modalidade, que vêm se tornando referência em Brasília. Foram empreendidas melhorias no que se refere à manutenção de mangueiras, bocais e redes de proteção das quadras. Além disso, o fornecedor de saibro foi substituído e haverá a troca dos refletores, com a utilização de lâmpadas de led para economizar energia. Também foram instalados medidores individuais para verificar o consumo de energia de cada quadra. Ademais, os tenistas, por meio da ATBD, contrataram um funcionário exclusivo para irrigar, passar a vassoura e limpar as linhas das quadras. E o intuito da nova gestão é adotar medidas cada vez mais efetivas para melhorar as dependências do clube.

Barragem do clube da ASTCU 

Para integrar a barragem, os tenistas têm de ser, necessariamente, associados da ASTCU. Quem tiver interesse em fazer parte desse grupo e obter mais informações sobre a modalidade, pode entrar em contato com Daniel Dantas pelo telefone: 99318-8300. Por sua vez, associados podem utilizar as quadras de tênis, de domingo a domingo, respeitando os horários de funcionamento do clube e da vacância das quadras.

 

Nota de pesar pelo falecimento da servidora Anabe Lopes

Nota de pesar do presidente Regis Machado e dos demais membros da Diretoria da ASTCU pelo falecimento da servidora e presidente do Conselho Fiscal, Anabe Lopes.

O presidente da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União, Regis Machado, e os demais membros da Diretoria manifestam suas condolências pelo falecimento da servidora e presidente do Conselho Fiscal da ASTCU, Anabe Lopes.

Anabe era estimada pelas autoridades desta Casa, bem como pelos colegas servidores e pelos funcionários terceirizados. Nesta Corte de Contas, foi conhecida e reconhecida por sua generosidade e por sua conduta amorosa no trato humano. Também era mãe dedicada, alicerce de família e poetisa. Sua partida deixará um vazio existencial na alma de sua família e de seus amigos.

Aos seus familiares, a ASTCU reitera seu pesar e roga a Deus que conforte os corações enlutados.

Presidente Regis Machado

Destaque no futebol infantil, filho da servidora Sarah Souto prepara-se para jogar no “Go Cup”

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

 

O talento para o futebol deste garotinho de sete anos foi descoberto por seus pais quando ele tinha apenas cinco. Desde então, Daniel Souto, filho da servidora Sarah Souto, tem sonhado- com a candura de uma criança- com sua participação na 4ª edição do “Go Cup”, na categoria sub-8. A Copa do Mundo de Futebol Infantil, sediada em Aparecida de Goiânia (GO), inicia-se no próximo sábado (8) e terá duração de uma semana.

As partidas acontecerão em um Complexo de 200 mil m², o Fut Arte, considerado um dos maiores e mais importantes do país quando se trata do esporte que desperta paixão nacional. Ao todo, foram 3 mil inscrições, com a participação de 214 equipes (atletas de 7 a 12 anos) e de 80 renomados clubes representando 13 países. A expectativa da organização é que 50 mil pessoas compareçam à competição.

Questionada sobre a relevância desse torneio, Sarah Souto enfatizou que o objetivo maior do “Go Cup” é mostrar para as crianças os pontos positivos do esporte, como o fair play (espírito esportivo), a confraternização e o desenvolvimento cultural. “São esses valores que eu transmito ao Daniel. É claro que também queremos participar para ganhar. Mas, independentemente disso, vamos pela amizade, pela saúde e pelo congraçamento”, ponderou a servidora. Por sua vez, o pequeno craque definiu sua participação no campeonato como “uma felicidade”.

 

A dedicada mamãe também observou mudanças benéficas no comportamento de seu pequenino desde que ele começou a praticar a modalidade esportiva. Segundo ela informou, o garotinho desenvolveu a concentração, aprendeu a respeitar ainda mais o próximo e a lidar melhor com as adversidades impostas pela vida. “Coloco esses princípios como pré-requisitos para apoiar meu filho. Sou uma mãe rígida e quero que, antes do futebol, ele valorize o lado humano e solidário”, destacou.

 

Artilharias do atleta mirim

Copa da Nações 2017 e Desafio DF x MG de Futsal 2017, na categoria sub-8; Primeira Copa Libertadores 2016, Copa Guará de Futsal 2016 e Quarta Copa Libertadores 2016, na sub-7. “O Daniel ainda é pequenino, mas já é artilheiro. Observando seu desempenho, seus professores me disseram que possivelmente ele será um jogador profissional. Estamos apoiando”, derreteu-se Sarah Souto. O menino é ponta-esquerda, mas tem habilidade com as duas pernas.

 

 

 Apoio da ASTCU à preparação do craque

Para se preparar para os jogos do “Go Cup”, Daniel Souto realizou seus treinos no campo oficial de futebol do clube da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União (ASTCU), totalmente revitalizado. “Em razão dessa demanda do Daniel, conversei com o presidente e com o 2º vice-presidente da associação, Regis Machado e Renato Arrochella, que, prontamente, disponibilizaram o espaço para que os meninos pudessem treinar. E foi ótimo, pois o campo apresenta excelentes condições de uso após a reforma”, avaliou Sarah Souto.

Clube da ASTCU vai inaugurar o melhor campo de Futebol Society de Brasília

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

 

A Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União (ASTCU) irá entregar, em meados de abril, sua mais recente obra de revitalização nas dependências do clube. Trata-se da inauguração do novo campo de Futebol Society, que inova ao implantar a mesma grama sintética utilizada no estádio do Atlético Paranaense, a Arena da Baixada – Curitiba (PR).

Além do alto padrão de qualidade (homologada pela Fifa, inclusive para realização de partidas oficiais, a medida vai gerar uma série de benefícios ao clube e aos associados: menor esforço e custo para a manutenção, economia de água, campo disponível em perfeitas condições durante o ano inteiro.

Com a conclusão das obras de mais uma modalidade esportiva a ser oferecida no clube, os servidores terão a oportunidade de desfrutar de mais qualidade de vida, além de estreitar seus vínculos de amizade, fator que melhora a socialização também no ambiente de trabalho.

A reforma ainda vai assegurar à associação uma fonte extra de receita, por meio do aluguel do campo, gerando recursos que serão revertidos em outras benfeitorias para o clube.

 

2º Campeonato Brasileiro de Futebol Society dos Tribunais de Contas

Por intermédio da ASTCU, os servidores do TCU foram convidados pela Associação dos Servidores do Tribunal de Contas do Rio de Janeiro (ASTCERJ) para participar, entre os dias 15 e 18 de junho, naquela cidade, do 2º Campeonato Brasileiro de Futebol 7, com competições nas categorias livre e master (acima de 40 anos). O evento é exclusivamente voltado para os servidores dos Tribunais de Contas.

Quem vai organizar a participação da delegação do TCU no torneio é o AUFC Gerson Sousa (ramal 7749). Segundo ele, a expectativa é que haja uma boa adesão entre os tribunais convidados, de modo que os jogos sejam competitivos. “Estamos nos mobilizando internamente para reunir um rol de participantes que englobe as duas categorias para representar nossa associação, a ASTCU, e esperamos voltar com mais um título para casa”, cogitou o servidor, um dos poucos atletas canhotos do Tribunal.

Questionado sobre a relevância desse campeonato para os servidores, Gerson Sousa salientou que a prática de esportes propicia uma interação que ultrapassa os jogos, fortalecendo os laços de amizade inclusive entre colegas de trabalho de áreas diversas no tribunal. “Além disso, é importante que estejamos em atividade, melhorando o condicionamento físico e o bem-estar”, arrematou.

Para praticar o Futebol Society, não há restrições quanto a peso ou idade. Há, apenas, uma divisão em categorias quando se trata de campeonatos.

Seleção TCU reinaugura campo de futebol da ASTCU com o pé direit

 

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

Em sua estreia em 2017, a Seleção TCU derrotou o time Laranja Mecânica do Brasil (LMB), equipe que vai representar o País nos Jogos Mundiais de Masters, em Auckland, na Nova Zelândia, em abril (www.worldmastersgames2017.co.nz). Havia muita expectativa para o confronto, que ocorreu no último dia 18, inclusive por se tratar da reinauguração do campo de futebol oficial do clube da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas de União (ASTCU).

 

A partida foi bem movimentada e terminou com placar de 4 a 2 para o tribunal. A trave do adversário tremeu com os chutes certeiros de Gomes, Beto e Jorge Pinto que – com muito oportunismo- anteviu a jogada antes do zagueiro e converteu a chance em gol. Mas o destaque ficou para o goleiro Guilherme, que fez belas defesas.

 

 

O técnico da Seleção TCU, Sandoval Batista, disse que, apesar de a equipe do Laranja estar muito bem postada em campo, o TCU soube fazer os gols na hora certa e definir a partida. E ainda mencionou o fato de os jogadores terem reagido satisfatoriamente à troca do gramado, realizada na revitalização.

 

 

Renato Arrochella, capitão da Seleção TCU, considerou a estreia animadora em razão do bom futebol apresentado pela equipe e, sobretudo, da presença praticamente maciça dos atletas do TCU.  “Só esse comparecimento já é motivo de comemoração, independentemente do resultado do jogo, frisou”. Ele também ressaltou que o campo será emblemático para a seleção, pois irá contribuir para melhorar o desempenho e para unir ainda mais os atletas.

 

 

Questionado sobre os benefícios que o esporte proporciona, Arrochella assegurou que a prática de jogar futebol entre os colegas de trabalho tem propiciado o estreitamento dos laços de amizade nas dependências do tribunal, bem como auxiliado no bom andamento da saúde.

 

 

Na ocasião, as equipes mistas da Seleção TCU e do Laranja Mecânica do Brasil também disputaram uma partida. O jogo terminou empatado em 2 a 2, com gols de Patrício e de Gomes. Mas o destaque foi para a performance do goleiro Elisandro Scarcel, que salvou chances claras de gol.

 

 

 

Treinos e adesão

 

Os treinos da Seleção TCU acontecerão pela manhã no clube da ASTCU. E a intenção do capitão da equipe é promover, para cada três jogos do misto, um do veterano.

 

Servidores que demonstrarem interesse em aderir  à seleção, independentemente do quesito técnica, podem entrar em contato com Renato Arrochella pelo ramal 7159.

Diretoria Executiva do Sindilegis toma posse e trava batalha por demandas de servidores

(Jornalista:Milena Abrahão Khoury)

Integrantes da chapa, presidente e vice- presidente da ASTCU planejam medidas que beneficiem ainda mais o servidor

 

 

Na manhã de ontem (15), tomou posse no auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, a Diretoria do Sindilegis eleita para comandar o Sindicato no quadriênio 2017/2021. O presidente da ASTCU, Regis Machado, foi eleito membro da Coordenação Setorial de Aposentados e Pensionistas no TCU. Por sua vez, o vice- presidente, Alison Souza, ocupará a função de Diretor Social e Esportivo e de Planejamento Estratégico da chapa “Gestão e Transparência”.  Cerca de 400 pessoas – entre autoridades, parlamentares e servidores públicos – participaram do evento que ensejou a posse de 71 servidores do TCU, da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

 

 

Questionado sobre as medidas a serem aplicadas na nova gestão do Sindilegis, Regis Machado destacou uma atuação mais efetiva em relação às reivindicações dos representantes dos servidores das regionais do TCU. “As demandas são recorrentes e queremos atuar com mais ênfase em propostas voltadas para os servidores dos estados”, pontuou. Entre as ações listadas, ele destacou o Adicional de Penosidade, a diferenciação na edição de portarias, o que afeta de forma negativa as regionais, e o aprimoramento de aspectos que envolvem o concurso de remoção.

 

Já Alison Souza afirmou que uma das prioridades da atual gestão é investir ainda mais na transparência e na agilidade nas respostas aos servidores do TCU. “Vamos nos aperfeiçoar, tentando nos antecipar diante de problemas e situações com o intuito de sermos ainda mais proativos no que diz respeito às demandas dos servidores”, considerou. Em relação à área esportiva, o dirigente informou que está elaborando, juntamente com a Diretora de Integração Regional do Sindicato, Simone Barbosa, o planejamento de eventos desportivos para este ano. “Os clubes do TCU, da Câmara dos Deputados e do Senado Federal trabalharão em estreita harmonia para alcançar de forma mais abrangente os servidores”, observou.

 

Por sua vez, o presidente do Sindilegis, Petrus Elesbão, enfatizou em seu pronunciamento a valorização da transparência e disse que a Diretoria Executiva assume o compromisso de lutar pelo serviço público e pelos direitos da categoria. “Conto com a participação dos servidores para cumprir uma gestão séria e eficiente”, conclamou.

ASTCU firma convênio com Legis Club Brasil e incrementa ações que beneficiam filiado

 

A ASTCU inaugurou seu pacote de medidas para 2017 com a celebração de um convênio com o Legis Club Brasil -Clube de Benefícios e de Vantagens. O intuito da parceria é proporcionar aos associados o acesso a produtos e a serviços com qualidade diferenciada, em condições especiais.

 

O Legis Club Brasil (Clube de Benefícios e Vantagens) é uma entidade sem fins lucrativos cujo objetivo é o fortalecimento das instituições associativas e representativas dos servidores públicos por meio da criação e da gestão de clubes de benefícios e de vantagens.

Para atender o público alvo, o Legis Club firmou parcerias com empresas consolidadas no mercado. São cerca de 500 convênios, sendo os principais nos segmentos de educação, saúde, gourmet, turismo e venda e aluguel de automóveis. Para usufruir dos descontos que esses estabelecimentos oferecem aos associados, estes devem utilizar um cartão de adesão, que será entregue na secretaria da ASTCU, em data a ser definida.

De acordo com o Presidente, Regis Machado, a gestão atual assumiu o compromisso de entregar cada vez mais aos associados. “A ASTCU tinha uma carência na área de benefícios. Nós identificamos o problema e atuamos prontamente para resolvê-lo. Agora, os associados têm acesso a um dos melhores e maiores clubes de benefícios do Brasil”, disse ele, arrematando: “E podem esperar que há mais novidades a caminho. Em 2017, os associados terão várias surpresas positivas”.

Ainda compõem o quadro de entidades associadas ao Clube de Vantagens: o Sindilegis, a Assefe, a Ascade e a ASA-CD. Para mais informações, entre em contato com Roger Costa, gerente do Legis Club, pelos telefones: 3223-7705/3223-7958.

 

 

Exemplos de benefícios

Saúde: Academias e clínicas de estética;

Educação: Mais de 80 convênios com instituições de ensino;

Gourmet : Potência Grill / Divino Fogão / Torteria Di Lorenza;

Turismo: Várias redes de hotéis nacionais e internacionais;

Automóveis: GM, Disbrave, V12 Motors, TECAR.

 

Junte-se a nós. A ASTCU forte significa mais qualidade de vida e benefícios para os servidores.

Pádel no clube da ASTCU faz sucesso entre servidores

(Jornalista: Milena Abrahão Khoury)

A capital federal agora conta com a sua primeira quadra de pádel. Ela fica no clube da Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União (ASTCU) e já é um sucesso entre os servidores do TCU. A inauguração foi movimentada por diversos jogos amistosos, que seguem ocorrendo, uma vez que a procura pela modalidade esportiva cresce significativamente a cada dia.

O pádel se diferencia do tênis por contar com a “intervenção” de paredes nos fundos e nas laterais da quadra (assemelha-se ao squash), o que imprime dinamismo às partidas, pois mantém a bola em jogo por bastante tempo. Além disso, a quadra tem 20m de comprimento por 10m de largura. Ou seja, é menor do que a utilizada pelos tenistas. O esporte é divertido, fácil de jogar e pode ser praticado por qualquer pessoa, pois não exige condicionamento físico rigoroso.

As partidas são disputadas sempre em duplas (podem ser mistas) e há a utilização de raquetes de madeira, menores e mais leves do que as usadas no tênis. Tudo isso confere velocidade às jogadas. Alguns países da Europa já aderiram à prática dessa atividade esportiva, que é uma das mais populares na Argentina. Aqui no Brasil, o pádel está entre as modalidades preferidas dos gaúchos, superando o tênis. E tem conquistado adeptos famosos, como o ex-tenista Fernando Meligeni. Em Brasília (DF), a ASTCU é pioneira no esporte. “Os servidores do TCU estão curiosos, uma vez que o pádel é novidade por aqui. É a primeira quadra da cidade, além de ser uma atividade dinâmica, fácil e prazerosa”, destacou o responsável pelo espaço, Joan Valero.

A modalidade integra o calendário desportivo da ASTCU. Sendo assim, associados contarão com descontos sobre o valor da hora (R$ 40), além de não pagarem pelo uso das raquetes. E ainda: se quatro sócios optarem por disputar uma mesma partida, o preço da hora será reduzido para R$ 20. A quadra poderá, também, ser utilizada pelos demais servidores. A ASTCU pretende realizar o primeiro torneio de pádel em 2017.

Promoção para os servidores

Até o dia 31 deste mês a ASTCU oferece promoção para associados e demais servidores. Na primeira reserva da quadra, o participante adquire dois bônus, de uma hora cada, para jogar quando quiser. Mas é necessário agendar o horário com Joan Valero, por meio do whatsapp: (61) 9-8134-0400. Também é fundamental levar as bolinhas, as mesmas utilizadas na prática do tênis. No que diz respeito às raquetes, o clube da ASTCU possui para alugar (associado não paga pela raquete). Participe dessa divertida aventura! Quem demonstrar interesse em integrar o quadro de associados pode entrar em contato com a secretaria do clube pelos telefones: 3316-7184/7321.

 

Comunicado da ASTCU

A ASTCU informa que a reforma do campo de futebol maior e do campo society será concluída após o fim do recesso, em janeiro de 2017, o que propiciará o retorno da Seleção TCU, dos associados, dos demais servidores e da Escolinha de Futebol aos jogos da modalidade. Associados contam com descontos especiais para todos os serviços de esporte, de lazer e de cultura oferecidos pela associação.